Esqueceu sua senha?
 
 
 
 
Busca Avançada
 
 
 
Receba as notícias da
Nutrição em Pauta
em seu e-mail
 
 
 159 artigos encontrados em Food Service
 
 
ALIMENTOS INDUSTRIALIZADOS E REFEIÇÕES EQUILIBRADAS: UMA COMPARAÇÃO VISUAL, ECONÔMICA E NUTRICIONAL.
 
Processed food and meals balanced: a visual, economic and nutritional comparison

Palavras-chave: alimentos industrializados; alimentos naturais; hábitos alimentares; qualidade dos alimentos; valor nutritivo

Keywords: Industrialized foods; Natural foods; Food habits; Food quality; Nutritive value

RESUMO

O objetivo deste trabalho foi presentar um dia alimentar à base de alimentos industrializados e compará-lo quanto à oferta de nutrientes, valor econômico e apresentação visual com refeições elaboradas com alimentos não industrializados equivalente em calorias. Foram selecionados alimentos industrializados que ultrapassassem os valores de referência do “semáforo nutricional” em relação à gordura, açúcar e sódio. Foram calculadas refeições equilibradas em macro e micronutrientes contendo alimentos naturais e minimamente processados, porém, com o mesmo valor energético daquelas contendo alimentos industrializados. Todas as refeições foram preparadas no Laboratório de Gastronomia da Universidade para posterior registro fotográfico. Foi realizado um levantamento dos preços e a média de custo dos alimentos industrializados e dos alimentos naturais e minimamente processados. Notou-se uma diferença quantitativa e qualitativa a partir da comparação visual. Em relação aos nutrientes, nas refeições de colação, almoço e jantar elaborados com alimentos naturais e minimamente processados, houve maior prevalência de carboidratos, vitaminas, minerais e compostos bioativos. A maior presença de lipídios, sódio e aditivos químicos ocorreu nos alimentos industrializados. Proteínas e fibras foram encontradas em maior oferta nas refeições produzidas com alimentos naturais e minimamente processados. Foi possível verificar que mesmo contendo valores energéticos semelhantes, as refeições podem ser absolutamente distintas quanto à oferta nutricional e aparência, dependendo dos alimentos que as compõem. As refeições elaboradas com alimentos industrializados tiveram um custo menor, porém, deve-se destacar que a quantidade de alimentos das refeições saudáveis era superior, justificando o seu custo também superior.

ABSTRACT

The aim of this study was make a diet based on the processed food and compares its nutrients, economic value, and visual aspect with an equivalent calorie diet elaborated with natural foods. Processed foods were selected based in value of the “nutritional semaphore” in relation to fat, sugar, and sodium. Balanced meals in macro and micronutrients were calculated containing natural and minimally processed food, but, with the same energetic value of the diet containing processed foods. All the meals were produced in the food laboratory of the University for to do photographic register. A survey of prices and the average cost of processed foods and natural and minimally processed foods was carried out. There were quantitative and qualitative differences on visual comparison. In the morning snack, lunch, and dinner made with natural and minimally processed foods prevailed the carbohydrates, vitamins, minerals and bioactive compounds. The bigger presence of fat, sodium and chemical additives occurred in processed foods. Protein and fiber were found in bigger amount on meals made with natural and minimally processed food. Even containing similar energy values, meals can be quite different as the nutritional supply and visual aspect, depending on the foods that it has. Meals prepared with processed foods had a lower cost, but to the amount of this food in the elaborate meals with natural foods and minimally processed were higher which justifies its higher cost.

 

 
Autores
 
Érika Cristina Boiane Silva
 
Graduanda do Curso de Nutrição da Universidade de Franca
 
 
Profa. Dra. Fabíola Pansani Maniglia
 
Profa. Dra. Fabíola Pansani Maniglia - Nutricionista pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas – PUC/Campinas, Mestre e doutoranda em Ciências Médicas pela Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo – FMRP USP. Docente do Curso de Nutrição da Universidade de Franca.
 
 

 
Os autores estão em ordem alfabética.

Este artigo eletrônico é um resumo. O artigo eletrônico em sua íntegra pode ser encontrado na revista Nutrição em Pauta, edição eletrônica de Jan/2018
 
Conteúdo Exclusivo para Assinantes
 
Este artigo possui a versão completa disponível no site. Se você possui uma senha de acesso preencha os campos do ítem Assinantes na parte esquerda do site.

Se você é um assinante da revista Nutrição em Pauta e não possui senha solicite já! Basta preencher os campos ao lado que enviamos
sua senha!
Solicite sua Senha
 
Nome Completo
 
E-mail CPF

 
 
 

 
Nossos Patrocinadores
   
 
© Copyright Nutrição em Pauta. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso.