Avaliação da Eficácia de Dieta Quimicamente Modificada para Pacientes Portadores de Câncer de Próstata em Radioterapia e seu Impacto no Estado Nutricional
 
Efficacy Evaluation of a Chemically Modified Diet for Prostate Cancer Patients in Radiotherapy and its Impact on Nutritional State

Palavras-Chave:
câncer de próstata, radioterapia, dieta
Keywords: prostate cancer, radiotherapy, diet

RESUMO

Objetivo: verificar o uso de dieta quimicamente modificada na radioterapia em pacientes com câncer de próstata, sua adaptação e impacto no estado nutricional. Materiais e Métodos: o estudo avaliou a evolução do estado nutricional, hábito intestinal e sintomas durante o tratamento e adaptação da dieta quimicamente modificada de 114 pacientes. Resultados: A evolução do estado nutricional não apresentou diferença significativa (p=0,1). A frequência das evacuações e consistência do bolo fecal mostraram diferenças estatisticamente significativas (p=0.004 e p<0.001, respectivamente). Com relação aos sintomas avaliados, a maioria dos indivíduos não apresentou nenhum tipo de sintoma tanto no pré-tratamento (74,5%) quanto no pós-tratamento (74,5%). Na análise da adaptação da dieta quimicamente modificada, 53,5% a realizaram de forma adequada. Conclusão: no presente estudo observou que o uso de dieta especifica para a radioterapia de próstata não interferiu no estado nutricional desses pacientes e ainda, auxiliou na melhora do habito intestinal.

ABSTRACT

Objective: To verify the use of a chemically modified diet in radiotherapeutic treatment in prostate cancer patients in addition to its adaptation and impact on nutritional state. Materials and Methods: The study evaluated the evolution of the nutritional status, bowel habits and symptoms during treatment and diet adaptation chemically modified in 114 patients. Results: The evolution of the nutritional state showed no significant difference (p = 0.1). Stool frequency and consistency of the stool bolus showed statistically significant difference (p = 0.004 and p <0.001, respectively). In relation to the symptoms evaluated, most individuals did not present any pre-treatment (74.5%) or post-treatment (74.5%) symptoms. Analysis of the adaptation to a chemically modified diet showed that 53.5% adapted adequately. Conclusion: The present study found that the use of a diet specific for prostate radiotherapy did not affect the nutritional state of these patients and also helped in improving bowel habit.

Recebido – 28/7/2016    Aprovado- 15/2/2017
 

 
Autores
 
Dra. Thais Manfrinato Miola
 
Coordenadora de Nutrição Clínica do ACCamargo Cancer Center/SP, Brasil. Mestre em Ciências na Área de Oncologia pela Fundação Antônio Prudente. Especialista em Nutrição Oncológica pela Fundação Antônio Prudente São Paulo (SP), Brasil
 
 
Ligia Cristina Nobre Moreira
 
Nutricionista do Centro de Combate ao Câncer/SP, Brasil. Especialista em Nutrição Oncológica pela Fundação Antônio Prudente. São Paulo (SP), Brasil.
 
 

 
Os autores estão em ordem alfabética. Este artigo é um resumo. O artigo em sua íntegra pode ser encontrado na revista Nutrição em Pauta, edição Fev/2017