Esqueceu sua senha?
 
 
 
 
Busca Avançada
 
 
 
Receba as notícias da
Nutrição em Pauta
em seu e-mail
 
 
 160 artigos encontrados em Matéria da capa
 
 
ENVELHECIMENTO E A PERCEPÇÃO SENSORIAL DOS ALIMENTOS
 
AGING AND SENSORY PERCEPTION OF FOOD

Palavras Chave: Alimentação, Envelhecimento, Idoso, Sensação, Disgeusia

Keywords: Eating, Aging, Elderly, Sensation, Dysgeusia

RESUMO    

Esta revisão bibliográfica visa identificar: principais causas, formas de avaliação das alterações na percepção sensorial dos alimentos e estratégias nutricionais para favorecer a aceitação alimentar de idosos. O estudo se embasou nos consensos dos 29 artigos rastreados nos bancos de dados: Medline, Lilacs, Scielo e Pubmed. Com o envelhecimento há comprometimento do olfato e paladar, podendo afetar a ingestão alimentar. Os idosos apresentam sensibilidade diminuída para gostos primários e, por isso, utilizam maior quantidade de seus alimentos fontes, contribuindo para o estabelecimento de doenças ou manifestações de condições preexistentes. Há vários testes quali-quantitativos que mesuram o tipo e nível do comprometimento gustativo e olfativo. Estratégias nutricionais que favoreçam a qualidade sensorial visam tornar os alimentos mais atrativos e cobiçados. O conhecimento e identificação precoce dessas alterações e a busca de alternativas dietéticas para favorecer a aceitação alimentar são importantes para garantir a saúde, longevidade e qualidade de vida dessa população.

ABSTRACT

This bibliographic review aims to identify: main causes, ways of evaluating changes in sensory perception of foods and nutritional strategies to favor the food acceptance of the elderly. The study was based on the consensuses of the 29 articles traced in the databases: Medline, Lilacs, Scielo and Pubmed. With aging there is a compromise of smell and taste, which may affect food intake. The elderly have decreased sensitivity to primary tastes and, therefore, use more of their food sources, contributing to the establishment of diseases or manifestations of preexisting conditions. There are several qualitative-quantitative tests that measure the type and level of gustatory and olfactory impairment. Nutritional strategies that favor sensorial quality aim to make food more attractive and coveted. The knowledge and early identification of these changes and the search for dietary alternatives to favor food acceptance are important to guarantee the health, longevity and quality of life of this population.

 

 
Autores
 
Dra. Fabiana Ferreira da Silva
 
Graduada em Nutrição pela Universidade São Judas Tadeu (USJT) - SP e discente do curso de pós-graduação em Nutrição Clínica do Centro Universitário São Camilo - SP.
 
 
Dra. Rose Gleide Alves de Souza
 
Graduada em Nutrição pela Universidade São Judas Tadeu (USJT) - SP e discente do curso de pós-graduação em Nutrição Clínica do Centro Universitário São Camilo - SP.
 
 
Profa. Dra. Vera Silvia Frangella
 
Nutricionista formada pelo Centro Universitário São Camilo. Mestre e Especialista em Gerontologia; Especialista em Nutrição Clínica e em Terapia Nutricional Enteral e Parenteral. Docente e Coordenadora do Curso de Pós-Graduação em Nutrição Clínica do Centro Universitário São Camilo-SP.
 
 

 
Os autores estão em ordem alfabética.

Este artigo eletrônico é um resumo. O artigo eletrônico em sua íntegra pode ser encontrado na revista Nutrição em Pauta, edição eletrônica de Jan/2018
 
Conteúdo Exclusivo para Assinantes
 
Este artigo possui a versão completa disponível no site. Se você possui uma senha de acesso preencha os campos do ítem Assinantes na parte esquerda do site.

Se você é um assinante da revista Nutrição em Pauta e não possui senha solicite já! Basta preencher os campos ao lado que enviamos
sua senha!
Solicite sua Senha
 
Nome Completo
 
E-mail CPF

 
 
 

 
Nossos Patrocinadores
   
 
© Copyright Nutrição em Pauta. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso.