Esqueceu sua senha?
 
 
 
 
Busca Avançada
 
 
 
Receba as notícias da
Nutrição em Pauta
em seu e-mail
 
 
 104 artigos encontrados em Saúde pública
 
 
Avaliação Microbiológica de Baby Cake Fortificado
 
Microbiological Evaluation of Fortified Baby Cake

Palavras-chave - Anemia Ferropriva; Contaminação de Alimentos; Controle de Qualidade.

Keywords -  Iron deficiency anemia; Food Contamination; Quality Control.

RESUMO

Em conjunto com o processo de inovação de alimentos é fundamental o desenvolvimento de estratégias a fim de prevenir problemas relacionados com a diminuição da qualidade das condições higiênico-sanitárias e como consequência alteração das características organolépticas do alimento. Por isso a avaliação e determinação do tempo de prateleira dos alimentos são essenciais, pois permite que os consumidores adquiram produtos alimentícios idôneos no tocante às suas características. O objetivo desse estudo foi avaliar as características microbiológicas de Baby Cake fortificados para complemento da alimentação infantil. Houve presença de microorganismos no Baby Cake fortificado em determinados períodos de armazenamento, supondo um período máximo de comercialização de até 6 dias de armazenamento. O Baby Cake fortificado teve suas características organolépticas alteradas a partir do sexto dia de armazenamento, fator que interferiu diretamente nas condições microbiológicas, diminuindo ainda seu tempo de prateleira, o que pode desestimular o interesse em sua comercialização.   

ABSTRACT

In conjunction with the process of food innovation, it is fundamental the development of strategies in order to prevent problem related with the quality decrease of hygienic-sanitary conditions and as consequence alteration of the organoleptic characteristics of the food. Therefore, the assessment and determination of the food shelf life is essential, because allows consumers to purchase food products suitable for their characteristics. The aim of this study was to evaluate the microbiological characteristics of fortified Baby Cake to complement infant feeding. There was presence of microorganisms in the fortified Baby Cake in specifics storage periods, assuming a maximum marketing period up to six days. The fortified Baby Cake had its organoleptic characteristics altered from the sixth day of storage, a factor that interfered directly in the microbiological conditions, decreasing still your shelf life, which may discourage the interest in its commercialization.
 

 
Autores
 
Alexandre Alves Machado
 
Curso de Farmácia, Universidade Católica Dom Bosco
 
 
Dayane Santos Dias
 
Curso de Ciências Biológicas, Universidade Católica Dom Bosco
 
 
Julia Clara Leite Walker
 
Curso de Nutrição, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
 
 
Karla Rejane de Andrade Porto
 
Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia e Biodiversidade da Rede Pró Centro-Oeste, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
 
 
Lígia Aurélio Bezerra Maranhão Mendonça
 
Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia, Universidade Católica Dom Bosco
 
 
Mami Yano
 
Faculdade Estácio de Sá
 
 
Ricardo Martins Santos
 
Curso de Ciências Biológicas, Universidade Católica Dom Bosco
 
 
Rosângela dos Santos Ferreira
 
Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia, Universidade Católica Dom Bosco
 
 

 
Os autores estão em ordem alfabética.

Este artigo é um resumo. O artigo em sua íntegra pode ser encontrado na revista Nutrição em Pauta, edição Fev/2018
 
Conteúdo Exclusivo para Assinantes
 
Este artigo possui a versão completa disponível no site. Se você possui uma senha de acesso preencha os campos do ítem Assinantes na parte esquerda do site.

Se você é um assinante da revista Nutrição em Pauta e não possui senha solicite já! Basta preencher os campos ao lado que enviamos
sua senha!
Solicite sua Senha
 
Nome Completo
 
E-mail CPF

 
 
 

 
Nossos Patrocinadores
   
 
© Copyright Nutrição em Pauta. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso.