Esqueceu sua senha?
 
 
 
 
Busca Avançada
 
 
 
Receba as notícias da
Nutrição em Pauta
em seu e-mail
 
 
 1402 artigos encontrados em Notícias
 
 
Como manter a imunidade e a dieta no inverno
 
A estação mais fria do ano exige alguns cuidados com a saúde e escolhas mais saudáveis na alimentação.

Gripe, resfriado, rinite, bronquite e infecções respiratórias. Basta chegar à frente fria que os sintomas dessas doenças começam a aparecer. Além do ar seco e do frio, a variação da temperatura colabora para que as pessoas fiquem com a imunidade baixa, ou seja, mais expostas a esses sintomas. Devemos redobrar os cuidados com a nossa alimentação no inverno. Alguns alimentos ajudam a reforçar a proteção do organismo por reunir muitos componentes que fortalecem a imunidade. Além disso, também podemos fazer escolhas saudáveis que nos ajudem a manter a dieta nessa época.

Os alimentos que não podem faltar no seu cardápio durante essa estação.

Água:  com as temperaturas mais baixas  sentimos menos sede, porém, é preciso manter a mucosa das vias aéreas hidratadas. Dessa forma, faça a ingestão de água diariamente.

Chás:  são quentes, apresentam poucas calorias e auxiliam na hidratação.  Aposte em ervas como, por exemplo, cidreira, camomila, hortelã com pouco açúcar e acrescente rodelas de limão ou laranja. Frutas cítricas são muito bem vindas neste momento.

Frutas cítricas: devem aparecer com maior frequência neste período, pois são ricas em vitamina C e reforçam o sistema imunológico.  Experimente tangerina, laranja, kiwi, abacaxi.

Saladas:  neste período as saladas frias não podem ser deixadas de lado. Os vegetais folhosos podem ser consumidos em forma de salada, refogados com pouco óleo e sal ou a vapor. Sua dieta irá continuar rica em fibras e micronutrientes como ferro, cálcio e vitamina A que são importantes para reforçar o sistema imunológico.

Carne vermelha, frango, peixe: são fontes de zinco mineral que atuam diretamente no reforço do sistema imunológico.

Arroz integral, aveia, granola e pães integrais: no inverno a fome aumenta e também o desejo por doces e alimentos mais ricos em carboidratos. Para que não haja o risco de ganho de peso e desequilíbrio na dieta opte por carboidratos integrais que causam maior saciedade e auxiliam no controle do peso.

As escolhas alimentares no inverno nem sempre precisam estar relacionadas a alimentos ricos em gordura, carboidratos simples e açúcar. Podemos ter em nossa rotina alimentar nessa época do ano:
- Pipoca de panela preparada com pouco óleo;
- Pinhão cozido;
- Sopas de legumes e verduras preparadas com pouco óleo;
- Chocolate quente preparado com cacau em pó, chocolate ½ amargo e leite desnatado;
- Mingau de leite desnatado com aveia em flocos;
- Massa recheada ao sugo;
- Risoto acompanhado de verduras ao vapor.

Todas essas opções podem fazer parte da sua rotina alimentar no inverno, sem exageros e se consumidas no horário de refeição.

Fonte
Profa. Dra. Patrícia Cruz - Mestre em Ciências da Saúde pela Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo (USP), Patrícia Cruz, faz parte do Departamento de Nutrição da Associação Brasileira para Estudo da Obesidade e Síndrome Metabólica (ABESO). Ela é especialista sobre nutrição e transtornos alimentares, adulto e infantil, atua como Personal Diet e é palestrante em cursos de pós-graduação.
 
 
 
 
 

 
Nossos Patrocinadores
   
 
© Copyright Nutrição em Pauta. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso.